• Bruna Chieco

Prevcom ajusta alvo de rentabilidade à nova realidade do mercado

A Fundação de Previdência Complementar do Estado de São Paulo (Prevcom) reduziu o alvo de rentabilidade de sua carteira de investimentos de IPCA + 5% para IPCA + 4% a partir de maio. A decisão decorre da queda da taxa básica de juros Selic a 3%, o menor patamar da história e com sinalização de novos cortes, e do impacto da COVID-19 sobre a economia. Segundo a entidade, no cenário marcado por juros baixos e uma crise de longo prazo provocada pela pandemia, o mercado financeiro não dispõe de ativos que entreguem o rendimento estabelecido pela entidade nos últimos sete anos. "Com a alteração da previsão de rendimento, baseada na análise do perfil de ganho dos papéis ofertados, a fundação ajustou o patamar de retorno à realidade do mercado", diz o comunicado. Taxa de carregamento – A Prevcom também zerou sua taxa de carregamento de 2% a partir deste mês, com autorização do Conselho Deliberativo. Com a isenção, os recursos serão transferidos integralmente para as contas individuais dos 36,3 mil participantes dos planos de previdência complementar.

0 visualização

Receba nossas atualizações

Sugestões de matérias e/ou dúvidas:

abrappatende@abrapp.org.br

Nos acompanhe

  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 por Grupo Abrapp