• Bruna Chieco

Mais Previdência suspende pagamento de empréstimos

A Mais Previdência passou a oferecer aos seus participantes a partir desta segunda-feira, 20 de abril, a possibilidade de suspensão do pagamento das parcelas de empréstimos com contratos vigentes pelos próximos três meses. A medida foi adotada para dar mais suporte aos participantes diante da pandemia do novo coronavírus (COVID-19). Essa é uma das ações da entidade com foco em preservar a integridade e saúde física de seus participantes, colaboradores e a sociedade, incluindo a saúde financeira dos mesmos. De acordo com a diretoria da Mais Previdência, a iniciativa foi decidida tendo em vista as excepcionalidades do momento e as medidas adotadas pela patrocinadora FIEMG. "A suspensão do pagamento das parcelas é válida por três meses, sendo que essas três parcelas serão postergadas para o final do contrato, não havendo necessidade de revisão contratual entre as partes. Assim, o saldo será corrigido pela taxa vigente no contrato”, disse a entidade em comunicado. A suspensão do pagamento das parcelas de empréstimos pelos próximos três meses é válida somente para os participantes ativos, autopatrocinados e BPD. Os novos empréstimos concedidos terão como parâmetro de margem o novo salário aplicável de cada um.  A entidade também enviou vídeos aos seus participantes com mensagem de apoio da diretoriae da equipeda entidade.

0 visualização

Receba nossas atualizações

Sugestões de matérias e/ou dúvidas:

abrappatende@abrapp.org.br

Nos acompanhe

  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 por Grupo Abrapp