• Bruna Chieco

EFPC suspendem temporariamente prestações de empréstimo

Algumas entidades divulgaram a suspensão, por um determinado período, das prestações de empréstimos e financiamentos aos seus participantes. As medidas fazem parte das ações para minimizar os impactos da crise do novo coronavírus (COVID-19) aos participantes. A Funcef divulgou que a partir desta quinta-feira, 2 de abril, abrirá a opção para o participante suspender, pelo prazo fixo de três meses (de abril a junho), o pagamento das prestações dos contratos de empréstimos nas modalidades CredPlan (Fixo, Variável, Fixo 120 e Variável 240), Credinâmico (Fixo e Variável) e Crédito ao Participante para Integralização de Reserva Previdenciária. 

A Petros permitirá a suspensão temporária do pagamento das parcelas de empréstimo por três meses (de abril a junho). Os participantes que não se manifestarem terão a prestação cobrada normalmente. "No caso dos participantes do PPSP-R e do PPSP-NR que pagam equacionamento e optaram, no ano passado, pela suspensão temporária por seis meses, não há necessidade de se manifestar novamente, pois as cobranças já estão suspensas até o mês de junho", informou a entidade. A Fapes também decidiu pela suspensão a partir de abril, além de reduzir as taxas de juros de seus programas de empréstimos e financiamentos. As novas taxas serão informadas aos participantes, enquanto a suspensão das prestações poderá ser feita por até quatro meses.

425 visualizações

Receba nossas atualizações

Sugestões de matérias e/ou dúvidas:

abrappatende@abrapp.org.br

Nos acompanhe

  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 por Grupo Abrapp